Museu da Língua Portuguesa coloca em cartaz “Sonhei em português!”, exposição sobre migrações

Uma das salas da exposição temporária “Sonhei em português!”. Foto: Ciete Silvério/Divulgação

Entra em cartaz amanhã, 12, “Sonhei em português!”, nova exposição do Museu da Língua Portuguesa. Com curadoria de Isa Grinspum Ferraz, “Sonhei em português!” aborda a migração como um direito humano e revela como essa experiência é atravessada pela questão da língua. A mostra entra em cartaz na sede do museu, localizado na Estação da Luz, em São Paulo. Local que é um tradicional ponto de partida e chegada de migrantes no coração do bairro do Bom Retiro, bairro que também tem todo o seu povoamento baseado na imigração.  

Um dos núcleos principais da exposição são as experiências de imigrantes de várias nacionalidades em São Paulo, cidade onde a imigração está muito presente em sua história e até no contexto atual. Uma curiosidade é que o título da mostra vem de um dos depoimentos exibidos e alude ao momento em que o imigrante concretiza sua ligação pessoal com a terra que o recebeu.

 “As línguas são diferentes porque refletem ideias, valores, conhecimentos e visões do universo também diferentes entre si. Cada língua é uma visão do cosmo, com seus provérbios, suas sonoridades, seus ritmos e sua poética própria. Cada uma delas organiza a seu modo a experiência do mundo”, explica a curadora Isa Grinspum Ferraz

A exposição conta com diversas salas temáticas. A primeira delas é a “Deslocamentos Cruzados” que tematiza as pessoas e as línguas em trânsito. Segundo os organizadores, por meio de instalações visuais e sonoras, o público tem a possibilidade de se perceber em um mundo no qual cabem diversos universos expressos pela variedade de idiomas em uso. A sala tem como destaque uma vitrine em que “flutuam” letras e caracteres de alfabetos de várias línguas, como árabe, coreano, chinês, hebraico e cirílico.  A segunda sala chama-se “Tanto mar” e é totalmente ocupada pela instalação inédita “Travessia”, criada pelo artista Leandro Lima. Especialmente comissionada para a exposição, esta grande obra cinética, feita de luzes, sons e movimentos, evoca em uma experiência sensorial a travessia de um oceano.

A exposição temporária “Sonhei em português!” conta com patrocínio do Grupo Volvo e apoio do escritório Mattos Filho, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, e fica em cartaz até junho de 2022 no primeiro andar do Museu da Língua Portuguesa.

SERVIÇO  

Evento: Exposição temporária “Sonhei em português!” 

Data: A partir de 12 de novembro até junho de 2022

Horário: Das 9h às 16h30 (permanência até 18h) de terça a domingo 

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Crianças até 7 anos não pagam ingresso e a entrada é gratuita aos sábados. Venda de ingressos na bilheteria e pela internet:  https://bileto.sympla.com.br/event/68203   

Endereço: Acesso pelo Portão A (em frente à Pinacoteca)  do Museu da Língua Portuguesa localizado na Praça da Luz s/n, Luz, em São Paulo. 

Para mais informações acesse www.museudalinguaportuguesa.org.br 

 

*Datas, horários e preços sujeitos a mudanças. Consulte sempre a programação no site dos responsáveis pelos eventos. 

Quer mais dicas e novidades de Alphaville e arredores? Inscreva-se na nossa newsletter! É grátis! Semanalmente, você receberá os destaques do A&A no seu e-mail: https://bit.ly/2M4XhD2

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *