Greve geral: fique atento ao que abre ou fecha com a paralisação de hoje

greve

Uma greve geral foi convocada por centrais sindicais de todo o país para esta sexta-feira, 14/6. A ação deve afetar o funcionamento de serviços de transportes, escolas e órgãos públicos e privados. Confira o que abre ou fecha na região:

Transporte público – O Metrô, a CPTM e a SPTrans conseguiram liminares para manter a operação de trens e ônibus durante a paralisação. Porém, os sindicatos dos funcionários dos principais meios de transportes da capital paulista confirmaram a adesão à greve. A Benfica BBTT, a Ralip e a EMTU, que atendem a nossa região, confirmaram que a circulação dos ônibus ocorrerá normalmente com 100% da frota.

Rodízio na capital – A Prefeitura de São Paulo vai manter o rodízio e monitorar a situação do trânsito durante todo o dia. A regra vale também para a Zona Máxima de Restrição a Fretados e para a utilização da Zona Azul em toda a cidade.

Aplicativos de transporte – A Uber e a 99 não farão nenhuma ação específica por causa da greve e devem adotar medidas para amenizar possíveis impactos aos passageiros.

Escolas – Os sindicatos dos professores das redes de ensino estadual e particular decidiram aderir ao momento. Algumas escolas particulares também terão as atividades suspensas ou interrompidas parcialmente. É bom confirmar na escola do seu filho antes de levá-lo.

Bancos – Os bancários fizeram assembleia e aprovaram a paralisação no Brasil inteiro.

Hospitais públicos – A secretaria estadual confirmou que não haverá alteração no funcionamento.

Poupatempo – Deve funcionar normalmente, segundo a assessoria de comunicação do serviço.

Fonte: Estadão

Quer mais dicas e novidades de Alphaville e arredores? Inscreva-se na nossa newsletter! É grátis! Às sextas, você receberá os destaques do A&A no seu e-mail: https://bit.ly/2M4XhD2

Deixe seu comentário!

Comentar

Seu e-mail não será publicado.