Entrevista de emprego

tatiannaPor Tatianna Covolato*

Estar pronto para uma entrevista de trabalho, além de conversar sobre as suas experiências, vivências e mostrar afinidade para a função e cargo, é também importante demonstrar interesse pela empresa. Pesquise sobre o seus produtos ou serviços, missão, valores, o seu tamanho no mercado e concorrência. Pense como adicionar valor, os seus objetivos e a sua identificação com a cultura da empresa. Esteja também atualizado com assuntos globais e preparado para falar sobre outros assuntos.

Para um aperfeiçoando final devemos estar atentos às nossas habilidades em Etiqueta Corporativa, saber como nos adequar à cada situação, fazer uma leitura do ambiente, controlar nossas emoções e estar sempre em sintonia com o perfil da empresa, com elegância, discrição e simpatia.

Seja você mesmo, espontâneo, e mantenha o seu estilo tendo consciência da mensagem sendo transmitida. Converse como se estivesse com um cliente, ouça com atenção, responda sem pressa, faça perguntas e mostre que conhece a empresa.

Imagem: esteja apresentável e com a sua roupa alinhada. A vestimenta poderá variar conforme a empresa e o cargo. Mas, em entrevista e ainda sem conhecimento do código de vestimenta, seja discreto, ou seja, o mais neutro possível. A roupa não deve chamar mais atenção do que as suas palavras, evite acessórios com balanços, barulhos ou que possam distrair.

Primeiro contato: desde a recepção, ou por onde passar, procure cumprimentar com simpatia. O sorriso é uma poderosa forma de criar vínculos.

Pontualidade: chegue de 10-15 minutos de antecedência. Preveja imprevistos de trânsito, chuva, estacionamento, evitando gastar o tempo do outro. Chegar em cima da hora também não é adequado – tenha tempo para respirar e se preparar.

Na sala de reunião: poderá ser oferecido água e café, fica simpático aceitar nem que seja apenas um deles e mostrar-se à vontade. Com água gelada e copo mais úmido, evite o aspecto de mão molhada ao cumprimentar.

Bolsas e pastas: procure colocar, posicionar os pertences na cadeira ao lado, nunca a frente do corpo ou sobre a mesa. Evite chamar atenção ou distrair, celular sempre desligado.

Posição de mesa: sugere-se sentar-se do lado oposto do entrevistador ou próximo à ponta de mesa. Deixe as pontas para o entrevistador.

Comunicação: evite demonstrar emoções – nervosismo ou ansiedade – balançar a cadeira e as pernas, mexer os braços exageradamente, tamborilar os dedos ou brincar com colares, relógios ou pulseiras. Evite falar demais ou ficar muito quieto. O esperado é que mesmo diante da ansiedade o candidato tenha autocontrole e equilíbrio.

Postura: se necessário, mantenha uma pequena distância do encosto e evite relaxar o corpo. Procure transmitir interesse pela conversa. Evite cruzar os braços ou agarrar os braços da cadeira. Pés no chão e mãos livres, nem tão confortável nem tão duro, procure estar à vontade “com certa formalidade”.

Cumprimento: aperto de mão firme, olhos nos olhos e um sorriso no rosto.

Primeira impressão: neste momento a primeira impressão se confirma – o seu aspecto visual, cumprimento, sorriso, fala e postura enviará uma mensagem, a sua imagem foi formada. Procure seguir o ritmo da reunião, responda de forma clara e ponderada de acordo com o que foi perguntado e mantenha o contato visual. Faça-se presente e finalize de forma positiva.

Após a entrevista: sempre simpático um e-mail de agradecimento, se possível entre, no máximo, os dois próximos dias enquanto o bate-papo ainda estiver em lembrança. Identificando com os valores da empresa, ter entusiasmo, capacidade de se adaptar às novas situações e vontade de fazer parte do time. Tenho certeza que será um forte candidato.

*Tatianna Covolato é especialista em etiqueta social, corporativa e à mesa. Siga no Instagram @euvibytati_etiquette

Quer mais dicas e novidades de Alphaville e arredores? Inscreva-se na nossa newsletter! É grátis! Às sextas, você receberá os destaques do A&A no seu e-mail: https://bit.ly/2M4XhD2

Deixe seu comentário!

Comentar

Seu e-mail não será publicado.